Associação de Maria Auxiliadora

Associação de Maria Auxiliadora
 

A Associação de Maria Auxiliadora sublinha o valor peculiar da devoção popular mariana como instrumento de evangelização e de promoção das classes populares. Representa um meio de santificação e apostolado e tem como objetivos: viver e difundir a devoção a Maria Auxiliadora segundo o espírito de S. João Bosco, renovar as práticas de piedade popular, rezar pelas vocações, encher a vida quotidiana de atitudes evangélicas e imitar Maria na sua solicitude para como os mais necessitados.

A Associação de Maria Auxiliadora, fundada por S. João Bosco como instrumento para "promover o culto ao Santíssimo Sacramento e a Maria Auxiliadora dos Cristãos" foi constituída canonicamente no Santuário de Maria Auxiliadora em Turim, em 18 de abril de 1869. Dom Bosco considerou-a "parte integrante da Sociedade Salesiana". Pio IX, com o Breve de 5 de abril de 1870, elevou-a a Arquiconfraria com direito a agregar as associações que surgissem em qualquer parte do mundo com a mesma denominação e finalidade.

A 5 de julho de 1989, "o Reitor-Mor, com o seu Conselho, reconheceu oficialmente que a Associação de Maria Auxiliadora faz parte da Família Salesiana".

Em julho de 1997 foi publicado em Turim o novo regulamento ADMA, posteriormente traduzido em português.


© 2014 Família Salesiana